Jornal Nova Geração

Com as quase 1,4 mil pessoas que completaram o esquema vacinal da covid-19 no sábado, 4, e na segunda-feira, 6, Estrela alcançou os 50% da população vacinada. A equipe de Vacinação da Secretaria da Saúde deu sequência ao calendário estipulado, que segue nos próximos três dias.

Nesta quarta-feira, 8, mais 279 pessoas compareceram para a aplicação da segunda dose (D2) da AstraZeneca. Número ficou abaixo do previsto, já que na primeira dose (D1) desta faixa etária foram 379 vacinados. A Saúde espera que as pessoas que ficaram em atraso aproveitem as demais etapas da semana para fazerem.

Pfizer e atrasados

Na quinta-feira, 9, está agendada etapa da D2 da Pfizer. Por esse imunizante exigir cuidados especiais com refrigeração e ter menor número de pessoas a serem vacinadas, ocorrerá na Unidade Básica de Saúde/Posto Central, das 8h às 11h. A Saúde em Estrela abrirá a ocasião para aqueles que estão em atraso da segunda dose, independente do imunizante ser AstraZeneca, CoronaVac e Pfizer, também compareçam ao local para completarem o ciclo.

Primeira dose

Na sexta-feira, 10, o público-alvo e o objetivo serão outros: D1 para todos com 18 anos ou mais que ainda não se vacinaram. A etapa será no Parque Princesa do Vale, respeitando as regras e horários de costume. É obrigatório o uso de máscara, documento que possua CPF e um comprovante de residência.

Quanto a D1 para jovens entre 12 e 17 anos sem comorbidades, a Equipe de Vacinação de Estrela diz aguardar tanto as orientações da Secretaria Estadual como as doses para definir o seu calendário.

Mais segunda dose

No sábado, 11, outra vez no Parque Princesa do Vale, haverá nova etapa da D2 da AstraZeneca. Devem comparecer todos aqueles que têm esta data agendada em sua carteirinha de vacinação cedidas. A mesma ocorrerá como de costume das 8h às 12h, no formato drive-thru e vacinação a pé.

O Lions segue com a campanha de arrecadação de roupas e alimentos.

Números

Até então, Estrela soma 23.597 cidadãos com a D1, aproximadamente 88% do público-alvo, hoje estimado em 26,9 mil pessoas com 18 anos ou mais, incluindo os adolescentes entre 12 e 17 anos que possuem comorbidades. O número de vacinados por completo subiu para 13.741, o que representa cerca de 51% da população imunizada com a dose complementar ou única.

Compartilhar conteúdo