Jornal Nova Geração

BOM RETIRO DO SUL

Vereador reclama de sinalização e largura da ciclovia da rua Arlindo da Silva

Parlamentar observa que coordenadora de Trânsito foi convidada para sessões da Câmara, mas não compareceu

Publicado dia 15 de outubro de 2021
151021_DUDU_JOAOBATISTAFERREIRA

Na sessão da Câmara de Vereadores dessa quarta-feira, dia 13, o vereador João Batista Ferreira (PSB) reclamou do tratamento recebido por parte da coordenação de Trânsito do município. Segundo ele, foi preciso encaminhar pedido de informações, pois não há respostas. “Fizemos um pedido de informação porque falamos no plenário, e muitas vezes não estamos sendo ouvidos”, observa Ferreira.

O vereador encaminhou pedido de informações, solicitando cópia a ata do Conselho Municipal de Trânsito (Comtran) que definiu os elementos da sinalização da ciclovia da rua Arlindo da Silva. Além disso, o documento reivindica embasamento legal para a construção, motivo para não constar sinalização vertical medida padrão utilizada na ciclovia, além da lista com os membros do Comtran. “Bom Retiro do Sul tem graves problemas relacionados ao trânsito. A maioria dos pedidos que recebemos é relacionada a este setor”, explica.

Autorizada contratação de servidores da Educação

Quatro projetos de lei, oriundos do Executivo, foram aprovados por unanimidade. Entre eles, ampliação do número de servidores contratados para atuação na rede municipal de ensino. Serão 30 professores para atuação na área 1, com 22 horas semanais; 22 para o cargo de monitor educacional social, com carga horária de 30 horas semanais e 16 servidores para serviços gerais. Segundo a mensagem justificativa, houve necessidade do incremento do número de servidores, em função do diagnóstico feito pela secretaria de Educação, Cultura e Turismo do município, em que foram encontradas desigualdades de aprendizagem, em função da pandemia do Coronavírus.

Autorizada, também, prorrogação do convênio com o Hospital de Caridade Sant’Ana, e repasse de R$ 200 mil, para custeio dos serviços de atenção especializada à saúde. Outra matéria aprovada, autoriza a contratação de um professor, área 2, com carga horária de 22 horas semanais. O docente irá atuar na Escola Municipal de Ensino Fundamental Anita Ferreira de Moraes.

Compartilhar conteúdo